Curiosidades, Para imigrantes

13 Sinais Que Você Está Acostumado Nos EUA

sinais de que você está acostumado nos EUA
por marcoarment via flickr

Leva um tempinho para se adpatar de vez com a vida nos Estados Unidos. Veja na lista abaixo com os sinais de que você está acostumado nos EUA:

  1.  Você fica com fome às 6 da tarde. Essa é seu horário do jantar. Isso quando você não fica com fome às 5.
  2.  Você não liga se não tiver um almoço digno de um rei, como o de costume no Brasil, uma refeição leve já te satisfaz.
  3.  Você sai antes das 8 da noite para jantar fora, restaurantes fecham a cozinha as 9. Detalhe aqui: a não ser que você more em cidades grandes que tem tudo aberto 24 horas por dia, como NYC, por exemplo. Não moro em cidade grande portanto esta é minha experiência, a qual pode não ser a sua.
  4. Você sai cedo de casa para a noitada, muitos locais fecham às 11 da noite. E se você estiver em outro país com cultura parecida com a do Brasil, acha estranho que seus amigos lá te chamem para se encontrar para sair as 11 da noite. Você pensa, nossa mas é tão tarde. Tem até um ditado em inglês que diz que nada bom acontece depois das 12 da noite, ou será 11? 🙂
  5.  Você não liga mais para os biquinões gigantescos que há por aqui.
  6.  Você passa a se vestir de modo diferente. As opções de roupas aqui são outras.
  7.  Você fica impaciente se a fila demora um pouco mais que o normal ou se o caixa não é eficiente ou parece que está enrolando. Você reclama se alguém tenta furar a fila.
  8.  Você reclama da comida no restaurante, se ela não for do seu agrado.
  9.  Você começa a falar português e coloca palavras e às vezes frases inteiras em inglês no meio, como se isso fosse normal. Você chega a pensar em inglês.
  10. Você acha um sacrilégio não poder fazer certas coisas online. Quando websites de restaurantes não listam seu menu e os preços, por exemplo, ou simplesmente não ter a opção de pagar por algo online.
  11. Você nem pensa que uma vida sem ar condicionado ou aquecedor (dependendo de que área do país você vive) é algo possível.
  12. Você passa a comer sopa enlatada… E gosta.
  13. Você não come mais arroz e feijão todo dia e acha isso OK. Você sequer se questiona por que não vai comer isso todo dia ou você se pergunta para que comer isso todo dia com tantas opções de comida. Para que limitar seu menu?

 

Outros sinais notados pelos leitores do blog:

  •  Você não tem mais medo de atravessar a rua (mesmo no sinal vermelho) 😀
  •  Seu café da manhã vai além do pão com manteiga e café. (indicação da Carolina nos comentários abaixo)
  •  Você chega a sonhar em inglês! 🙂 (indicação da Karine Kolibri na nossa página do facebook)
  • Você reclama quando está nevando sendo que antes você achava isso mágico. (indicação do Dan aqui nos comentários abaixo).
  • Você toma iced coffee, quando antes, se o café não estivesse bem quente, não servia. (Sugestão da Cecília nos comentários abaixo).
  • Outra coisa que notei ao atualizar esse post: Você passa a dizer 6 da manhã e 6 da tarde ao invés de dizer 6 e 18 horas 😉

 

Fique por dentro dos posts do blog!

Coloque seu email abaixo

Quer saber mais da vida nos EUA?

44 comentários sobre “13 Sinais Que Você Está Acostumado Nos EUA

  1. Muito bom LU! Voce esta cada dia melhor e me reconheci nas 13 ;-)) Mas ultimamente a unica coisa enlatada que ainda como aqui (quando falta a opcao de jarra/vidro) sao os tomates pelados Italianos para fazer molhos. E sopa so o clam shower que uso como base para meu “sea showder” Tenho ate vergonha de dizer mas tem expressoes que nem sei como dizer em Portugues e a gramatica que nunca foi boa segue ladeira abaixo. Procuro ler a Veja on line e alguns jornais pra dar uma melhorada. Tambem ainda vejo soccer games durante Copa do Mundo. Nunca fui fanatica por futebol.

  2. Kkkk gostei do post…
    Acho que estou americanizando…
    Além de sopa enlatada tem tbm as pastas enlatadas, é um vício já que se gasta só um minuto no microondas…
    E qto ao misturar inglês e português, outro dia fui passar o numero do meu celular para uma brasileira e quem disse que o número saia em português… Travei totalmente! Depois ainda ficou a dúvida de se eu tinha passado o número certo…
    Outra coisa tbm, é que não consigo viver sem ar condicionado, aqui no Texas o verão é insuportável…

    Gostei do post! Parabéns!

  3. Uma das coisas que eu mais me identifiquei foi sentir fome às 6 da tarde. Sem falar nos enlatados, sinto tanta preguiça de cozinhar novamente, pois era tudo tão prático e fácil..

  4. oi lu, tudo bem? fiquei admirada do q vc falou sobre o horario das baladas, aqui no Brasil ta tudo tao perdido que tem menina de onze, doze anos, chegando em casa 4 , 5 hs da manha e quem os pais colocam h , regras sao taxados de idiotas etc..

  5. Pois é, Lucia. O negócio está feio aí então, ein? Daí já é demais. Na minha opinião, é melhor ser taxado de idiota do que virar avós antes do tempo. Falando nesse assunto, eu estava assistindo ao reality show de mulheres estrangeiras que vieram com visto de noiva para cá para se casar com americanos (o 90 day fiance) – uma delas é brasileira, claro rsrs – e uma das noivas é colombiana, e ao conhecer os amigos do noivo, ela pensou que eles iam festar até as 5 ou 6 da manhã, mas as coisas não são bem assim na cidadezinha de Oklahoma na qual o noivo dela mora. E olha que ele é novo ein, nào é por que ele “não tem mais idade pra isso”, é que a cidade é pacata e festar até altas horas é considerado, usando as palavras dele, “um pecado” 😀

  6. eu ainda sou muito nova mais lendo esse blog com certeza vou morar no estados unidos quando grande.

  7. Todo dia não, isso pra mim não dá rsrs… Mas para auem fazia cara feia só com a ideia, de vez enquanto é até bom…

  8. Adorei ler isso,e assim mesmo,sonhar em ingles,isso e o maximo,hahahaha,mas ainda quando entro nas padarias da vida aqui,penso logo que vou poder pedir um pingado com aquele paozinho crocante que so tem no Brasil,derretendo a manteiga,so que nao,estes dias sai pra comprar livros,e entrei em uma,me esqueci que aqui nao tem nada disso no cafe da manha,tem,mas o gosto nem se compara,o pao,eu nao gosto,sempre mudo as marcas pra nao enjoar,quando entrei,so vi donuts,sai correndo,fiquei enjoada,ja que nao gosto de doces,voltei pra casa frustrada,mas amo viver aqui,uma coisa legal que me deixou muito feliz tb outro dia,sai pra fora de uma livvraria,olhei pra todos os lados,gente,sem pretensao,sem querer aparecer,nao sou disso,olhei pro estacionamento pra lembrar onde coloquei meu carro,lotado,pessoas andando,criancas,familia,em frente o shopping,tinha carros de todo tipo,os melhores,e neste momento fiquei tao agradecida a Deus,voce trabalha muito,mas tem uma vida muito melhor,e fiquei pensando,que no Brasil,quando voce poderia olhar aquela quantidade de carros carissimos,as pessoas ali,numa boa,sem ter um delinquente por perto,querendo te roubar,ou tirar a vida de alguem pra furtar um carro,uma bolsa,teu celular?e sei la mais o que,serio,senti isso,e quanto a atravessar a rua,e isso mesmo,pelo menos onde vivo aqui no Novo Mexico,as pessoas param quando estou de bicicleta,ou caminhando de manha,um respeito muito grande,e talvez medo,porque vai atropelar alguem pra ver!hehe

  9. Super bacana a postagem Lu, mas acho que não mudaria muito meus hábitos alimentares, por ser nutricionista eu escolho bem o que comer até quando as opções não são muito saudáveis.

  10. Me identifiquei com o caso da lingua. E dificil nao comecar a misturar as coisas, as vezes conversando com a minha familia no skype sai muita coisa em Ingles sem querer, eu dou risada. A questao da neve e tb verdade, quem nunca viu acha que e lindo…mas conviver com quase 6 meses de neve , com temperaturas baixissimas e outra historia!!!! Em Mn o inverno e muito rigoroso, nao e para qualquer um sair e encarar temperaturas de -40/50F ( essas marcas foram registradas no nosso ultimo inverno) . Nao reclamo no calor mas e dificil aturar os dias humidos, eeek!

  11. Me indentifiquei em quase todas, porem a unica que eu nao me indentifiquei foi em comer sopa enlatada… (jamais)… rsrsrs

  12. Olá Carla,

    Muito obrigada por partilhar sua experiência conosco. Não tive que enfrentar neve mas ouço muitas reclamações vindas de americanos sobre o assunto. Não é à toa que muitos querem vir para cá, na Flórida, mas concordo que a humidade é excessiva 😉 A mulherada detesta…

  13. Você é demais! Fui pro Brasa em Dez, quase morri de calor e atropelada, misturar o Ingles e Portugues fato! Achava Ridiculo Qdo alguém que morava aqui fazia isso, Paguei a lingua eu faço! Muito bom!

  14. Para acrescentar: pessoas que chegam a sua casa sem avisar e pessoas convidadas que chegam de mais vazias….. Ja me horrorrizam essas atitudes….

  15. Acrescentando dois mais itens:
    1-pessoas que chegam aa sua casa sem previamente avisar,
    2- pessoas que sao convidadas para um “get together” e chegam de maos vazias. nao sao capazes de levar um refrigerante sequer….Ah…. E essas mesmas pessoas sao as primeiras a atacar sua cozinha para fazer ” a dog bag”. Isso me horrorriza.

  16. Voce toma, cha no almoco e acha super normal
    Voce usa camisa xadrez e nao e’ festa de Sao Joao
    Voce escreve sem acentos. Acento para que?
    Voce vai de pajama fazer compras
    Voce paga suas contas em dia e nao imagina que alguem nao o faca.
    Voce dorme com o cachorro na cama.
    Voce muda seu nome,
    Voce ouve radio em Ingles e acha estranho quando esta em portugues.

  17. 18. Voce se sente mais seguro ao andar nas ruas, nao tem mais medos De assaltos, deixar seu carro, sua casa Aberta…seu ” gramado e o limite do visinho”.

  18. Ovos no cafe da manha todos os dias com certeza e nao ter ideia mais de como usar uma vassoura ja que so sabe usar o vacuum kkkkk

  19. Eu nao gostava de cafe no Br. Mas qui nos EUA eu tomo varias canecas de cafe de manha Inclusive dirigindo para o trabalho. Nao consigo trabalhar direito sem cafe.

  20. Você toma iced coffee, quando antes, se o café não estivesse bem quente, não servia.

  21. Concordo, com a maioria, so nao como enlatados e prefiro comer mais saudavel fazendo minha propria comida, mesmo cansada. E nao abro mao de ler todos os rotulos das comidas e comparar precos entre organicos ou nao, pois a saude e tudo. Sobre o ingles isto vc esta certissima. Sucesso em seu Blog.

  22. Pois é! Passei uma temporada de 6 meses na África do Sul e me identifiquei muito com este post. Lá se você estiver com fome no domingo as 8 da noite pode esquecer! kkkk. Pode esquecer de pensar em ir em um shopping depois das 17:00 e ir as compras depois das 18:00. Estamos muito mal acostumados mesmo!

  23. Você acha estranho idosos e mulheres grávidas não ter preferência… mas no Brasil isso tem e não é respeitado.

  24. Nao sei aonde restaurants fecham a cozinha as 9pm. E todos as noitadas em todos os lugares que vivi comecam tarde!!!!

  25. Em várias cidades. EUA não é só NYC, Miami, LA e Chicago. Você provavelmente mora, mora não né morava, numa cidade americana grande ou “saia para noitada” em cidades desse tipo ou em festas de brasileiros/latinos. Nem todos brasileiros moram em cidades grandes dos EUA e na grande maioria das cidades americanas, good luck tentar sair para comer depois das 9 num restaurante e achar que vai conseguir uma mesa e na quais last call em bares é as 11.

  26. Meu primeiro post foi no inicio de 2014, meu marido Americano faleceu em Dezembro desse ano. Minha vida na pratica mudou pouco, nao tenho mais meu “chef” e companheiro mas aprendi a cozinhar com ele e a ser uma pessoa melhor. As vezes da tristeza ver um pais como o Brasil cada vez descendo mais a ladeira. Aqui aprendi alem de cozinhar bem, fazer uma faxina perfeita na minha casa em 2 horas (estou com 76 anos) cuidar do jardim, e que nada e eterno tanto as coisas ruins como as boas. Moro so, num condominio de casas ao Sul e apesar de ter familia no Brasil quero morrer aqui, o Brasil nao vai ter tempo para melhorar o suficiente para que eu volte. Tenho o Medicare que paga 80% de qualquer despesa com medico/hospital e o seguro que eu pago para cobrir os 20%. Mas na xs que estive em um hospital pude ver um aviso +ou- assim “todos deveram ser atendidos independente de terem seguro ou nao” Da pra entender porque fico?

Faça parte da conversa: