Dicas de viagem, Para imigrantes

Como É Morar Na Big Apple?

como é morar na Big Apple NYC
por niceimages via flickr

Hoje vamos ver mais um ponto de vista sobre a vida em New York City . Quem nos conta as experiências que teve por lá é o Rodrigo, que hoje mora no Brasil mas que passou um ano na Big Apple. Leia as dicas dele abaixo:

 

Viver Nos EUA: Em que cidade dos EUA você morava?  Quanto tempo você morou lá e em que cidade brasileira você vivia no Brasil

Rodrigo: Morei 1 ano em NYC. Morei de Julho de 2014 até Julho de 2015. Sou de Osasco – Grande São Paulo. Fui para os EUA com o visto de turista, com validade de permanência por 6 meses, onde depois renovei por mais 6 meses. Durante todo esse período, estudei e fiz alguns trabalhos para me sustentar.

V.N.E.: Como foi seu processo de adaptação nos EUA?

Rodrigo: Relativamente fácil, porque me preparei muito para isso, inclusive acompanhando o seu blog e dicas. Então quando cheguei, já tinha uma ideia do que me esperava. Além do mais, NYC é simplesmente uma cidade fantástica e impossível não se apaixonar.

V.N.E.: Com o que foi mais difícil de se acostumar em NYC?

Rodrigo: São muito os desafios em se acostumar com a vida em um pais novo, porém a solidão que você sente em alguns momentos com certeza foi o mais difícil.

 

como é morar em new york city
por smif via flickr

 

V.N.E.: Com o que você teve mais facilidade de se acostumar nos EUA?

Rodrigo:  O estilo de vida e cultura, eu particularmente sempre admirei alguns aspectos do estilo de vida americano, então poder viver isso na prática foi uma ótima e edificante experiência.

V.N.E.: O que você mais curtia na cidade americana que você morava?

Rodrigo:  Conhecer culturas e pessoas diferentes, a cidade de NYC é a capital do mundo. A todo momento eu conhecia uma pessoa de um lugar totalmente, com gostos e estilos de vida totalmente diferente do meu, e isso me fascinava. Muitas histórias e experiências de vida trocadas, que me proporcionaram valiosas lições e um aprendizado imensurável.

V.N.E.: O que você menos gostava na cidade?

Rodrigo:  O egoísmo das pessoas em alguns momentos é chocante, por mais que tenha vivido em SP que guardada as devidas (e enormes) proporções seja parecido, o lema de cada um por si e Deus por todos é levado ao extremo.

V.N.E.: O que mais te surpreendeu ao chegar em Nova Iorque?

Rodrigo:  Praticidade é a palavra. Tudo funciona e as coisas são extremamente descomplicadas. Lá as coisas são feitas para facilitar a vida. Outra coisa, foi a conversação dos espaços públicos, a valorização da arte e cultura com muitos museus e o patriotismo invejável que eles possuem.

como é morar em NYC
por wallyg via flickr

 

V.N.E.: Quais as diferenças no seu estilo de vida mais marcantes de Osasco comparada com Nova Iorque?

Rodrigo:   A diferença é abissal…rsrsrs. As coisas que mais senti diferença, foram conservação e limpeza da cidade (e olha que NYC ainda é “suja” comparada outras cidades dos EUA) e a praticidade de ter tudo na hora que precisar.

Exemplo: Às vezes chegava tarde em casa, e na esquina de onde eu morava tinha uma farmácia que eu poderia comprar alimentos e bebidas, caso precisasse. Isso no dia a dia corrido da cidade, faz uma enorme diferença. Parece que o dia tem mais do que 24 horas.

V.N.E.: Você indicaria alguma atração ou atividade para pessoas interessadas em visitar o estado no qual você morava?

Rodrigo:   NYC é uma cidade turística e uma das mais visitadas no mundo, ou seja, atrações é o que não vai faltar. Todavia as minhas indicações são para conhecerem as atrações gratuitas, como atravessar a Brooklyn Bridge de dia e noite, é grátis e uma experiência fantástica. Central Park também é sensacional, se puderem aluguem uma bicicleta e deem uma volta pelo parque inteiro é maravilhoso e vale muito a pena!

V.N.E.: Há um perfil típico dos habitantes da Big Apple?

Rodrigo:  Como disse NYC é a capital do mundo, então tem-se todos os perfis. O que é ótimo, pois permite conhecer pessoas do mundo todo em um lugar só. Algo que muitos deles tenham em comum? O que tínhamos em comum e todos que moram lá tem, é a vontade de vencer! Todos querem o seu lugar ao sol e são extremamente competitivos.

experiencia de vida em NYC
by roger via flickr

 

V.N.E.: Você pensou em se mudar para outro estado ou cidade americana?

Rodrigo:  Sim, quando estava morando e planejando ficar um pouco mais, pensei em morar em São Francisco, pelo estilo de vida da cidade. Porém isso foi algo bem passageiro, porque como disse NYC é apaixonante com 1000 coisas para fazer e que nunca dorme, e por estar muito bem adaptado não sei se conseguiria mudar para outro ritmo mais leve.

V.N.E.: Por que você voltou para o Brasil e como você está se acostumando com a vida de volta?

Rodrigo: Voltei para mudar o meu visto de turista para estudante e continuar por lá, porém chegando aqui meus pais não estavam muito bem de saúde, e para ajuda-los resolvi ficar. A parte fácil foi reencontrar e conviver com os familiares e amigos próximos, que durante o meu tempo fora essa relação acabou se intensificando, então no retorno isso foi muito bom. O difícil, é voltar e ter que conviver com as coisas ineficientes, excesso de burocracia e agora está enorme crise que o pais enfrenta.

V.N.E.: Do que você sentia mais falta do Brasil quando estava em NYC?

Rodrigo: Convívio com os familiares e amigos realmente próximos.

V.N.E.: Do que você sentia menos falta?

Rodrigo: Da bagunça e jeitinho brasileiro, que infelizmente fazem parte da nossa cultura, mas acredito que está melhorando.

V.N.E.: Que conselhos você daria para quem quer morar nos EUA e mais especificamente em New York City?

Rodrigo: Bem, a primeira coisa é acompanhar o blog da Lu como eu fiz. Ajuda muito, você conhecer a experiências e dicas de outras pessoas que passaram pelo que você vai ou quer passar. Também procure entender as peculiaridades do local escolhido, se possível com pessoas que viveram ou vivem lá.

Segundo, você está indo para um pais diferente, então procure aprender ao máximo a cultura daquele local e chegando lá se adapte o mais rápido possível, isso ajuda em 1000% todo o processo. Já dizia Charles Darwin  “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças” E isso acontecera o tempo todo… MUDANÇAS, seja com vocês mesmo, seja nas circunstâncias.

 

experiencia morar em nova iorque
by Roger via flickr

Terceiro, nesse caso com o foco maior em NYC. Você estará vindo para uma cidade multicultural como poucos lugares no mundo. Então venha com a cabeça superaberta para o novo, explore ao máximo o desconhecido buscando aprender muito sobre as pessoas e lugares que conhecer.  A experiência aqui, é como se fosse a graduação para ser tornar um cidadão do mundo. Então curta e aproveite muito, pois será uma chance singular na tua vida!

Resumindo aproveite cada segundo que estiver aqui, pois será uma experiência única, transformadora e está vivência com certeza ira torna-la (o) uma pessoa muito melhor!

” A mente que se abre a uma nova ideia jamais voltará ao seu tamanho original ”

– Albert Einstein.

Esta frase do Einstein, dá uma ideia de como será essa experiência. Boa sorte!

 

Quer morar nos EUA também?

Gostou do post? Compartilhe!

 

6 comentários sobre “Como É Morar Na Big Apple?

  1. Conheço NY do inverno, verão, outono e primavera. Não é cidade para mim. A única cidade que nunca mais visitei. Nela, me sinto como no rio de janeiro. Ou seja, muito, mais muito mal.

  2. Conheci NYC no inverno e estive duas vezes. Em uma palavra? Amo!!!! Gostaria de ir para ficar um tempo… mas quero ir “legal”. Então, vamos aguardar os encaminhamentos…
    Gosto muito do seu blog!
    Bjos

  3. Adorei o post! Tenho muita vontade de conhecer NY (e agora mais ainda!!) Muito obrigada adorei as dicas! ❤

  4. Eu estive em NYC no outono e recentemente, tem certas coisas que gosto e outras que não gosto lá. Muito obrigada por participar e volte sempre, Ma.

Faça parte da conversa: