Dica Para Inglês Fluente? Se Ligue Em Esportes

expressoes esportes ingles EUA

Americanos amam esportes e talvez seja por isso que muitas das expressões usadas diariamente (até por aqueles que sequer assistem ou sabem muito de futebol americano) estão cheias de referências a esportes amados na terra do Tio Sam.

Algumas dessas expressões são obviamente ligadas a esportes, já outras são faladas no dia a dia e sequer sabemos que suas origens sào esportivas.

Vou listar algumas das expressões idiomáticas esportivas que mais ouvi nos EUA até hoje:

 

Time out:

Uma folga, recesso. Usada em todos esportes.

 

To be a team member:

Literalmente, fazer parte do time… Usada no ambiente de trabalho. Refere-se a um empregado que sabe cooperar com os outros para alcançar os objetivos da companhia. Gosh, muitas vezes empregadores listam isso nos classificados de vagas de empregos. Basicamente um dos top requerimentos para empregos nos Estados Unidos.

 

To take one for the team:

Literalmente levar uma pelo time. Quando você tem que fazer um sacrifício pessoal em nome do seu grupo (team) de trabalho.

 

To drop the ball:

expressoes ingles esportes
Cometer um erro. Tem a ver com beisebol.

 

To cover all of your bases:

Também ligada ao palavreado do beisebo e significa se preparar cuidadosamente para não cometer erros.

 

To hit a home run:

Beisebol de novo, traduzindo para linguagem popular significa alcançar um objetivo muito desejado e/ou  importante.

 

To pitch na idea:

Dar seu pitaco. Também no sentido de vender sua idéia. Mais uma vez originada do beisebol… jogo no qual um dos jogadores é chamado de pitcher (arremessador).

 

To play hardball with someone:

Estar determinado a alcançar um objetivo ao lidar e/ou chegar a um acordo com outra pessoa. Mais ou menos tratar de uma negociação ou discussão acirrada.

 

Right off the bat:

Indica que algo ocorreu imediatamente assim como a bola sendo rebatida no baseball. Bat (além de significar morcego) é o bastão de beisebol.

 

To step up to the plate:

Quantas vezes já não ouvi essa expressão e a entendia mas sequer sabia que ela também tinha a ver com a sagrada linguagem esportiva do beisebol.

Step up to the plate significa aceitar um desafio, ir com a cara e coragem assim como o jogador que sobe na base e se prepara para o rebater a bola.

 To reach first/second/third base with someone:

Expressão muito usada em paqueras, namoros e relacionamentos. Quando um homem alcança a 1ª base com uma mulher ele quer dizer que a beijou, por exemplo, ou que ela aceitou sair com ele (os significados da 1ª, 2ª e 3ª base variam de pessoa para pessoa) e a coisa escala assim por diante 😉

 Three strikes and you are out:

Você tem três chances para acertar a coisa. Assim como jogadores de beisebol.

 A whole new ball game:

Ball game é outra forma que Americanos se referem ao jogo de beisebol. Portanto quando eles dizem a whole new ball game, isso significa que as coisas mudaram e que a situação é inesperada e completamente diferente daquela com a qual eles estavam acostumados.

 Saved by the bell:

expressoes esportivas ingles
Do boxe, quando você é salvo de uma situação no último momento.

 To hit below the belt:

Jogar sujo para sair por cima. Origem: boxe.

To throw in the towel:

Do boxe. Admitir que perdeu. Desistir.

 Up to par:

Do golfe, indica algo que está de acordo com as expectativas de qualidade e/ou de nível.

Neck and neck:

Estar no mesmo nível que seu oponente. Origem: corridas de cavalo.

 A safe bet:

Também de corridas de cavalo, indica algo que é seguro. Um risco bem calculado que provavelmente dará resultados positivos.

 Too close to call:

Ouve-se muito dessa expressão na época de eleições. Expressão também originada de corridas de cavalo indica que os oponentes estão tão próximos que é difícil saber quem vai ganhar.

 Dive in headfirst:

expressoes esportes ingles americano
Mergulhar de corpo e alma, geralmente sem pensar nas consequências. Origem: Mergulho.

To test the waters:

Ver se sua idéia vai funcionar antes de aplicá-la. Testar sua idéia. Origem: Natação.

 To pass the torch to someone:

Essa frase tem a ver com corridas de obstáculos e significa delegar suas responsabilidades para outra pessoa, ou seja, chegou a hora de passar seu cargo para seu sucessor.

 To have the ball in your court:

Origem: Tênis. Essa expressão significa que agora a decisão é toda sua. Chegou sua hora de agir.

Já ouviu outras expressões ligadas a esportes nos Estados Unidos? Deixe seu comentário abaixo.

Imagens: 1 / 2 / Golf By Michal Osmenda (golfUploaded by russavia) [CC-BY-SA-2.0], via Wikimedia Commons

Quer morar e se adaptar nos EUA? Veja as Mil e Uma Dicas da Lu

Gostou Desse Post? Compartilhe Com Seus Amigos!

More about Lu

Seja bem vindo à perspectiva de uma brasileira sobre a vida e cultura dos Estados Unidos. A Brazilian take on the American Way of Life.

Comments

  1. Ótima matéria, parabéns!

  2. Obrigada, Daniella. Apareça sempre por aqui !

  3. Oi, Lu :). Algumas dessas expressões também tem no Brasil. Agora se foram importadas de filmes ou se por serem do mesmo esporte caíram no gosto popular, eu não sei, mas considerando que esporte no Brasil é um só, acho difícil.
    ”Salvo pelo gongo” é uma das mais famosas. Assim como ”jogar a toalha”.

    Não tem a ver com o post, mas gostaria de saber se você vai fazer alguma matéria relacionada a copa. Seja o que os americanos pensam sobre isso; se você concorda ou não com ela ter ocorrido aqui; se isso tem algum efeito monstro no USA(acho difícil) como tem no Brasil(no caso, mesmo quando a Copa não é aqui, é uma loucura!). Valeu :).

  4. Olá André,

    Como os EUA não dá muita importância para o futebol já que esse não é o esporte favorito dos americanos… a maioria deles não ligam muito para a Copa. O que se fala mais no momento é sobre os gastos absurdos, corrupção da FIFA e dos protestos que estão ocorrendo por aí. Infelizmente tem muita coisa negativa sendo falada da Copa por aqui.

  5. Olá, Lu poderia me dizer como funciona as Universidades ai nos EUA ? Estou curioso para saber como funciona! Obrigado!

  6. Oi Lu, ótimo post. Mas queria fazer uma pergunta, apesar dos americanos, segundo você, não gostarem de futebol, como você explica o fato deles terem sido os estrangeiros que mais compraram ingressos — depois dos brasileiros, claro — aqui para ver a Copa? Seria porque há muitos brasileiros por aí? Ou por outros motivos também?

  7. Olá Gabriel,

    Dê uma lida nesse post se você tiver alguma dúvida adicional, entre em contato novamente.

  8. Olá Lucas,

    É dificil imaginar um mundo onde futebol não é uma religião mas as coisas aqui são diferentes, os esportes que são religião são outros 😀 Sinceramente não conheço nenhum americano nativo que disse estar interessado na Copa ou ter viajado para o Brasil. Mas conheço muitos cidadãos naturalizados (brasileiros e nascidos em outros países) que ou foram para o Brasil ou que estão acompanhando os jogos fervorosamente daqui, alguns devem ter ido para acompanhar seus esposos/esposas brasileiros, para dar uma força. Sim, há bastante brasileiros e europeus por aqui e esses são super fãs do esporte. Pode ser também a entourage toda do time americano, eles levam um monte de gente com eles rsrsrs

  9. É… Acho que boa parte — senão todos — os americanos que vieram eram estrangeiros naturalizados. Se fosse Copa do Mundo de futebol americano talvez muitos americanos viessem rs

  10. Great article! Nothing better than a brazilian person living in USA to explain those idioms to us brazilians 🙂 Thank you!

  11. De nada Renan. Obrigada pelo comentário e volte sempre!

Leave a Reply

Faça parte da conversa: