Cultura Americana, Curiosidades

15 Coisas Que Não Se Deve Fazer Nos EUA

Há certas coisas que não devem ser feitas de acordo com a cultura de diferentes países. Segue abaixo uma lista com algumas das coisas que não se deve fazer nos EUA de acordo com o bom senso, etiqueta e com os costumes americanos:

  1. Chamar afro-americanos de negros ou se referir à qualquer característica específica da raça negra, seja de maneira divertida, “carinhosa” ou com menosprezo;
  2. Não responder quando alguém te pergunta algo;
  3. Não responder a cumprimentos de outras pessoas;
  4. Chamar pessoas de “fat”, especialmente cara-a-cara;
  5. Pensar que o sinal de OK feito por americanos significa outra coisa e mandar eles tomarem banho quando alguém faz esse sinal para você;
  6. Deixar de dar gorjetas em restaurantes, em hotéis, salões de beleza, spas e em qualquer outro lugar onde a norma seja dar gorjetas;
  7. Beber  bebidas alcoólicas se você é menor de 21;
  8. Tentar entrar em discotecas se você é menor de 21;
  9. Tentar namorar jovens menores de 18 anos se você é maior de idade;
  10. Perguntar de quantos meses uma mulher desconhecida está grávida;
  11. Aparecer na casa de alguém sem avisar (mesmo de amigos);
  12. Chegar atrasado em qualquer lugar onde se tenha horário marcado;
  13. Cortar filas;
  14. Vestir sungas e fio-dentais em certas praias americanas;
  15. Jogar lixo na rua. Jogar lixo da janela do carro;

Você tem outra dica do que não fazer ao visitar ou morar nos Estados Unidos? Deixe suas dicas nos comentários abaixo.

Quer saber mais sobre os EUA? Veja os ebooks da Lu!

28 comentários sobre “15 Coisas Que Não Se Deve Fazer Nos EUA

  1. A 15ª o Brasil poderia copiar, nossa como é tão normal, tão comum jogar lixo na rua mesmo estando ao lado da lixeira! Uma pergunta: os homens não podem usar sunga de jeito nenhum ou só em algumas praias que não são permitidas ?

  2. Oi Sheila!

    O problema com sungas não é qualquer proibição mas sim o fato de que a cultura americana desnconfia da “masculinidade”de homens que usam sungas 😀 Não sei o por quê disso sinceramente rsrsrs mas é o que ouço e vejo sempre. Además o “pacote”do indivíduo fica bem mais à mostra com a sunga e já ouvi muitas mães americanas reclamarem de sungas dizendo que não querem que suas crianças vejam “aquilo”heheheeh ou que praia é um lugar de “família”e etc… Mas acredite, até americanas jovens sem filhos não gostam da sunga, já perguntei para muitas e a resposta costuma ser negativa.

    Agora em certas praias há restrições de fio-dental e de topless.

  3. Nossa, essa do fio dental e do sunga eu não sabia, mas eu posso entender isso pq os biquínis das americanas são bem decentes.

    Namorar gente menor de 17 anos realmente é muito sério por aqui, não deve ser feito e se o casal for “adiante” e a relação ficar muito íntima, o indivíduo pode até ir pra cadeia…Todo cuidado é pouco.

    Qto a pontualidade, eles levam isso super a sério tb.Diferente da nossa cultura, os americanos tem hora pra chegar e tb hora para sair dos seus eventos, visto que eles prezam mais a agenda, do que o evento ou estar com pessoas sem ter outras atividades para aquele mesmo dia. Qto a pontualidade,’eles tem até um ditado:

    – if you’re early , you’re on time.

    – if you’re on time, you’re late( pq até vc encontrar um lugar pra estacionar o carro, estacioná-lo de fato e chegar no local , já se foram mais de 5 minutos, o que coloca a pessoa no prisma do atraso).

    – if you’re late, boy you’re really late!

    Gostei de vir aqui.
    Gde abraço.

  4. Moro aqui há 1 ano e ainda tenho problemas com #3. Comprimentos como How are you? /How are you doing? muitas vezes são respondidos apenas com a mesma pergunta. Mas minha impressão é que mesmo os americanos não tem muito uma regra, uns respondem e falam “and you?”, muitos respondem com a mesma pergunta… vai entender…

  5. Lu, realmente estou gostando cada vez mais do seu blog a respeito da vida nos Estados Unidos, acho interessante conhecer um pouco da cultura americana, quem sabe um dia vou pra aí.
    Meus parabéns por esse blog muito bem feito e útil que está ficando cada vez melhor e obrigado por compartilhar isso com nós brazukas. 🙂

  6. Não há de quê Kelvin. Fico feliz em saber que o blog está acertando seu propósito e muito obrigada pela participação 🙂

    Abçs,
    Lu

  7. Gisley,

    Obrigada pelo comentário e concordo plenamente com o que você escreveu. Interessante esse ditado que você colocou, meu marido leva esse ditado super a sério rsrsrs Se existe coisa que ele não suporta é atraso.

    abçs
    Lu

  8. Olá, em relação à trabalho gostaria de saber no caso dos policiais, qual a faixa salarial que se ganha? e qual é a relação entre população-polícia e o respeito com que policiais são tratados, sua autoridade, como são vistos e também como funcionam os “concursos” para policiais nos eua, é possível para estrangeiros?

  9. Leandro,

    Salários nos EUA vão variar dependendo do Estado, região, experiência do indivíduo, entre outras coisas. Um policial com somente um ano de experiência no estado da Flórida, por exemplo, ganha em média 38.148 dólares anuais.

    Policiais costumam ser respeitados, mas isso não significa que não haverá desrespeito para com eles. Nunca ouvi falar de nenhum concurso para policiais nos EUA. Não penso que o processo de seleção funcione da mesma maneira que no Brasil. Tenho que pesquisar mais a respeito.

  10. Ai lu eu estou me preparando p ir p os eua, e andei lendo algumas reclamaçoes dos brasileiros q moram lá, fiquei super preocupada…
    eu li que eles sao super porcos, eles peidam e arrotam na sua frente, a mesma toalha que tomam banho eles passam no chao, li que mudam de humor o tempo todo, e assim por diante…fiquei com medo!!!!!
    Eles sao assim mesmo ou é implicancia dos brasileiros que estao lá?
    Se puder faz um post sobre o assunto?
    beijossssss

  11. Se essas regras de etiqueta e civilidade fossem seguidas aqui no Brasil, com certeza viveríamos melhor!!!

    E não é difícil, né? É só se colocar no lugar do outro e se perguntar: E se fosse comigo, eu gostaria que fizessem isso?

    Ótimo o post!! Parabéns!!!

  12. Respondendo a duvida da susana…Gente porca existe em todos os lugares, nos EUA nao seria diferente, né?
    Vai da educaçao, da classe social entre outras coisas.
    Só para analisarmos, a Gisele Bundchen é paranoica com limpeza, ela namorou varios americanos e atualmente é casada com um americano! Vai de cada um. No brasil posso citar vaaaaaaarios casos de pessoas relaxadas e aposto que vc tambem conhece muitas pessoas assim.
    Por isso nao leve tanto ao pé da letra as reclamaçoes dos brasileiros que foram p lá, tem MUITA gente que tem mania de reclamar de tudo. Ta aqui ta ruim vai p lá, reclama.

    Aproveitandoooo adoroooo esse blog, passo por aqui todos os dias…PARABENS LU
    beijosssss

  13. Gostei da lista, mas eu acho que perguntar de quantos meses a mulher está grávida (desconhecida) não tem nada a ver…

    Vai ver que é algo muito específico da região que você mora. Eu estou grávida e é o que mais ouço nos EUA e não me incoomodo.

  14. Renata,

    O problema da pergunta é quando a mulher desconhecida não está grávida e acredite isso acontece rsrsrs

  15. Post super interessante!

    Moro nos USA a alguns meses e ainda nao sei como lidar com a pergunta: How are you?

    Voce poderia comentar mais sobre esse assunto?
    E’ “normal” deixar a pergunta no ar?
    Fico meio sem graca em nao responder nada…. Penso q deixo a entender q a pessoa acordou com o pe esquerdo… Sei la… fica estranho…

  16. Margot,

    É educado responder. Diga que vc está bem e agradeça. Simples assim. Se vc perceber que a pessoa quer ter uma conversa mais longa contigo (caso a pessoa que tenha te perguntado não seja um atendende e/ou vendedor de lojas e etc), pergunte como ela está também e continue a conversa daí.

  17. Leonardo,

    Não é que não pode namorar antes dos 17, é que uma pessoa maior de idade não pode namorar uma pessoa menor de 17 anos de idade. Dá até cadeia.

  18. Olá Cida,

    Por que o povo aqui não gosta de exagerar nesse sentido. é a cultura deles. E poder pode mas não se deve 😛 Nem mulheres com corpo de topmodel usam fio dental nas praias aqui.

  19. Acho que americanos, na tentativa de conter o preconceito, acabam sendo mais preconceituosos do que o normal. Um conhecido meu viajou aos EUA e começou a bater papo com uma atendente, ela falando espanhol e ele arranhando um “portunhol”. Ele então perguntou se ela era mexicana, o que a deixou ofendidíssima. Começou a berrar que era americana e chamou os seguranças para o retirarem da loja. Uma vergonha.

  20. Nao acho que isso seria motivo suficiente para chamar os segurancas… Muito estranho isso, Lucas.

  21. eles são muito reservados!
    isso não é de bem, pois como as pessoas acham que não devem cuidar da vidas dos outros, é o mesmo que deixar jesus morrer na cruz sem dar a minima.
    pois devemos ser carinhosos uns com os outros sem segundas intenções, de vemos cuidar da nossa mãe, cuidar do nosso próximo como se viesse do mesmo ventre, do mesmo sangue, se darmos as costas aos problemas que nos afligem e aos problemas de seus irmãos, não podemos fazer um agradável de paz pra com todos.
    pois temos que nos abraçar cuidar das almas de nossos proximos, da vida sem terceiros.

  22. Sei que esse post e antigo, mas gostaria de deixar alguns comentarios.

    #1: Realmente existe um Taboo em torno da palavra Nigga. Porem, essa palavra e muito usada entre amigos sim. Seja entre um grupo de amigos apenas de negros ou nao.

    #2 e #3: tambem se aplicam no Brasil. Se alguem te cumprimenta e vc nao responde de volta e falta de educacao. Alem disso, isso ja aconteceu muito comigo aqui, quando eu cumprimento algum americano e eles nao respondem. Ou seja, acho que isso e mais um questao de educacao do que diferencas culturais entre BR e USA.

    #4: No Brasil tambem e muito deselegante chamar alguem de gordo, principalmente cara a cara. Mais uma vez, questao de educacao e nao de diferenca cultural.

    #6: Talvez essa seja uma das maiores diferencas culturais entre BR e USA. No Brasil e comum pedir para retirar a gorjeta qndo ela vem embutida na conta. Aqui e realmente inaceitavel nao dar gorjetas.

    #7 e #8: Isso deve ser levado a serio mesmo. Tenho amigos que tomaram multa e tiveram que prestar servico comunitario “apenas” por ser menor de 21 e ser pego bebendo.

    Por fim, #15: Esse e outro comportamento de pessoas extremamente sem educacao mas nao creio que seja uma diferenca cultural. Tanto no BR quanto nos EUA muita gente joga papel no chao e em ambos os casos eu considero isso uma falta de educaca mesmo. Moro em NY e vejo americanos jogando latas de refrigerante e embalagem de comida dentro do metro todo dia.

    Abracos!

  23. Eu acho que sou americana, todas essas coisas me irritam profundamente. Por isso quero ir embora do Brasil, estou cansada de tanta gente mal educada.

Faça parte da conversa: